Sexta-feira, 24 de Julho de 2009

Choques na A2...

 

Um morto na colisão entre um pesado e um ligeiro de mercadorias na A42
 
O acidente deu-se às 15:45, na zona de Lordelo, concelho de Paredes, quando um pesado de mercadorias embateu violentamente na traseira de um ligeiro.
http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1312990&seccao=Norte
 
 
Adolescente de 13 anos morre atropelada na Estrada Nacional 125
 
Em 2007, a EN 125 - que atravessa o Algarve todo - estava em primeiro lugar no ranking com sete pontos negros, mas actualmente a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária retirou aquela via do Algarve do mapa das mais mortíferas.
O número de vítimas mortais de acidentes de viação no Algarve no primeiro trimestre de 2009 aumentou relativamente ao período homólogo de 2008, tendo morrido «mais de dez pessoas»http://sol.sapo.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=142521
 
Seis mortes na estrada em 24 horas19-07-2009
 
249 Acidentes de viação no sábado
Em 249 acidentes de viação que a Unidade Nacional de Trânsito da GNR registou no sábado, seis pessoas morreram e 104 ficaram feridas, onze das quais em estado grave, segundo o site da GNR.
 
http://diario.iol.pt/sociedade/acidentes-sinistralidade-rodoviaria-gnr-estrada-tvi24/1076679-4071.html
 
Acidentes: Três mortos nas estradas portuguesas em três horas
 
Lisboa, 22 Jul. (Lusa) - Três pessoas morreram e duas ficaram gravemente feridas em três acidentes rodoviários distintos registados entre as 18:00 e as 21:00 de terça-feira, informou fonte da GNR. Às 18:00, uma pessoa morreu numa colisão entre dois automóveis, ocorrida na A12, próximo do Passil (Alcochete).
 
Às 20:00, um outro embate, envolvendo dois veículos ligeiros e um pesado na zona industrial do Camporês (Ansião), provocou dois mortos e um ferido grave, obrigando a condicionar o trânsito no IC8.
http://dn.sapo.pt/Inicio/interior.aspx?content_id=1314263
 
 
Franceses exigentes em termos de assistência após um acidente automóvel
 
http://www.news-assurances.com/des-francais-exigeants-en-matiere-dassistance-auto-apres-un-accident-de-la-route/016711834
 
 Alemanha: Choque em cadeia com 259 carros faz 66 feridos
20 de Julho de 2009

Um forte choque em cadeia com
259 automóveis causou 66 feridos, dez dos quais em estado grave, na auto-estrada entre Berlim e Hannover.

De acordo com a imprensa local, na origem dos acidentes estará o mau tempo. As fortes chuvas sentidas na Alemanha, levaram muitos condutores a perder a visibilidade e o controlo das viaturas.
Segundo a polícia, a falta de respeito pelas distâncias de segurança também esteve na origem de muitas colisões.

Outra das razões foi a velocidade excessiva de muitos condutores, que não reagiram a tempo ao agravamento do estado do tempo. Os choques em cadeia ocorreram no percurso da A-2 entre Lehrte e Hannover, ao longo de cerca de 30 quilómetros.

A A-2, uma das principais auto-estradas da Alemanha, foi cortada em vários locais, para facilitar os trabalhos dos bombeiros. Os 66 feridos foram transportados para vários hospitais da região.
 
http://tvnet.sapo.pt/noticias/detalhes.php?id=46134
 
Fotos
http://www.welt.de/vermischtes/article4152512/Massenkarambolage.html
 
 
Segurança Rodoviária pelo lado do Factor Humano
 
O comportamento do condutor é sem dúvida condicionado principalmente pela visão, ou por o que lhe é induzido pelo meio rodoviário e ainda acrescido por outros factores como as condições meteorológicas.
 
Assim, quase sempre é ele mesmo o primeiro e o último a tomar as decisões na relação (Ergonómica) Homem – Máquina e é nesta homeostase implícita, que cada condutor no acto “solitário” da condução terá de tomar as decisões.
 
O condutor não poderá ser exclusivamente responsabilizado, mas é ele mesmo o elo mais responsável na interacção com o meio rodoviário, ou porque fez o que não devia, ou não fez o que devia. Ainda, se é grande a exigência para tantos profissionais nos mais variados ramos da actividade económica, porque não, para todo o acto que envolve a condução.
 
Ao entrar num veículo com pressa e em stresse, esse comportamento em si mesmo poderá ser uma autêntica transgressão. Porque se está disposto a correr mais risco de vida na condução do que noutra actividade profissional? Embora a ilusão de controlo que muitos automóveis actuais transmitem, não justifica que se circule a velocidades excessivas (excesso de velocidade tem outra ordem de grandeza).
 
Não fazendo comparações com Infra-estruturas internacionais (ou fazendo), nem com condutores com outros factores humanos ou sub-factores culturais, um acidente com 259 viaturas e 66 feridos, dez dos quais graves, mas sem vítimas mortais no local, pode talvez, dizer muito de uma condução Pró-activa (Reactiva/Defensiva e ecológica).
 
Of. Mecânica (Auto-estradas)
 
 
“Ninguém está mais sujeito a falhas do que aqueles que só agem por reflexão”
Vauvenargues
 

 

publicado por cambiantevelador às 17:37
link do post | sujerir | favorito
|

.Mais sobre mim em breve

.pesquisar

 

.Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. 406 Mortos nas estradas.....

. Auto-estradas sem Brigada...

. Condução Segura e Ecológi...

. Catástrofe Rodoviária…

. Portagens - CCUT 2014...

. Mais Vítimas na Estrada…

. Fim-de-semana negro...

. Travar a Sinistralidade.....

. Dê Férias à Velocidade…

. Crise Rodoviária em Portu...

.arquivos

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.favorito

. Contrato Promessa

. MOBILIDADE GEOGRÁFICA LAB...

. Cidadania activa: o jorna...

blogs SAPO

.subscrever feeds