Quarta-feira, 6 de Janeiro de 2010

Auto-Estradas O&M...

 

A Brisa Auto-estradas de Portugal foi fundada em 1972.

 

 

 

Tudo começou a 2 de Novembro de 1970, quando foi anunciado um concurso público internacional para a atribuição de uma concessão de construção, exploração e conservação de uma rede de auto-estradas.
As primeiras propostas foram recusadas, mas, em Dezembro de 1971 foi lançado novo concurso para ligar Lisboa ao Porto (346 km).
Concorreram três grupos e, venceu o Consórcio Técnico - Financeiro Brisa, liderado pela Sociedade de Empreendimentos e Infra-estruturas Inter-Brisa, que deu origem à Brisa Concessionária de Auto-Estradas com Portagens e cujo accionista maioritário era o empresário Jorge de Brito, mais tarde presidente do Benfica.
O Estado foi investindo na Brisa, o que lhe conferiu uma posição maioritária. Daí a Brisa não ter sido alvo de uma verdadeira nacionalização após o 25 de Abril.
Em 1997, o Estado inicia a sua privatização, estando hoje a maioria do capital na posse do grupo José de Mello.
Em 36 anos transformou-se numa das maiores operadoras de auto-estradas com portagens no mundo e a maior empresa de infra-estruturas de transporte em Portugal.
A Brisa Assistência Rodoviária (BAR) participada a 100 % pela Brisa Auto-estradas de Portugal, S.A., foi criada em Abril de 2002 a partir do Serviço de Apoio a Clientes da Brisa Auto-estradas.
 Presta serviços de vigilância, assistência, patrulhamento, socorro e protecção em vias rodoviárias, bem como de desempanagem e / ou pronto-socorro (reboque) automóvel.  
Estas actividades são asseguradas em “regime” de laboração contínua, cobrindo 24 horas/dia e 365 dias/ano.
 
Criação da Brisa O&M
 
A Brisa procede a uma reorganização da sua estrutura onde será criada a Brisa Holding, detentora de todas as concessões do grupo incluindo a Brisa, bem como a Brisa Operação e Manutenção que prestará serviços a todas as concessões do grupo.
 
http://www.brisa.pt/ResourcesUser/Investidores/Comunicados/BRISA%201H09_PT%20.pdf
 
Auto-Estradas - Brisa apresenta hoje nova empresa

(…) A Brisa Inovação e Tecnologia “nasce” da fusão da Direcção de Inovação e Tecnologia com a Brisa Acess Electrónica Rodoviária"…
As funções agora reunidas na BIT encontravam-se dispersas, com a BAER encarregue da instalação e manutenção dos sistemas e a DIT responsável pelo desenvolvimento tecnológico.
http://economico.sapo.pt/noticias/brisa-apresenta-hoje-nova-empresa_78065.html
 
“Arrumação Lógica”
Depois de dividir para ver se cada fragmento tem a qualidade e não tem erros provocados pela divisão, volta-se a fundir para verificar se o trabalho foi executado recorrendo a toda a qualidade e toda a integridade exigida.
F.B

 

 

publicado por cambiantevelador às 23:46
link do post | sujerir | favorito

.Mais sobre mim em breve

.pesquisar

 

.Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. 406 Mortos nas estradas.....

. Auto-estradas sem Brigada...

. Condução Segura e Ecológi...

. Catástrofe Rodoviária…

. Portagens - CCUT 2014...

. Mais Vítimas na Estrada…

. Fim-de-semana negro...

. Travar a Sinistralidade.....

. Dê Férias à Velocidade…

. Crise Rodoviária em Portu...

.arquivos

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.favorito

. Contrato Promessa

. MOBILIDADE GEOGRÁFICA LAB...

. Cidadania activa: o jorna...

blogs SAPO

.subscrever feeds